16 maio 2006

Desta vez é que é...

Estas férias estou realmente decidida a deixar de fumar!!!

Em www.min-saude.pt dão algumas dicas...

PORQUE DEVO DEIXAR DE FUMAR?

Em primeiro lugar, por uma questão de saúde. Parar de fumar diminui o risco de morte prematura. Os ex-fumadores vivem em média mais anos do que os fumadores e reduzem o risco de virem a sofrer de uma doença cardiovascular, de cancro ou de doenças respiratórias graves e incapacitantes.
Vale a pena parar de fumar em qualquer idade. Os benefícios são tanto maiores, quanto mais cedo se parar de fumar.

QUAIS SÃO OS BENEFICIOS DE DEIXAR DE FUMAR?

Após oito horas, os níveis de monóxido de carbono no organismo baixam e os de oxigénio aumentam;

Passadas 72 horas, a capacidade pulmonar aumenta e a respiração torna-se mais fácil;
Com cinco anos de abstinência do tabaco, o risco de cancro da boca e do esófago é reduzido para metade;

Ao final de dez anos, o risco de cancro do pulmão é já metade do verificado em fumadores, e o de outros cancros diminui consideravelmente.

Após 15 anos de abstinência, o risco de doença cardiovascular é igual ao de um não fumador do mesmo sexo e idade.

A aparência renovada, o hálito mais fresco, o travar do envelhecimento precoce e a poupança económica são factores adicionais que podem motivar a sua decisão.


CONSELHOS UTEIS

Querer deixar de fumar e decidir fazê-lo são os passos mais importantes. Mas passar à prática exige esforço e auto-disciplina.
Algumas rotinas poderão facilitar a tarefa:

>Fixe um dia para deixar de fumar. O estabelecimento de uma data ajuda a criar um sentimento de compromisso.

>Anuncie aos outros a sua decisão. Envolver os que lhe são mais próximos garante-lhe apoio e solidariedade.

>Identifique os seus hábitos tabágicos. Saber em que circunstâncias fuma habitualmente permite-lhe criar estratégias para contorná-las.

>Elabore uma lista de motivos para deixar de fumar e releia-a sempre que pensar em desistir.

>Aprenda a reagir à vontade de fumar. Os momentos em que sente grande desejo de voltar a fumar duram apenas alguns minutos.

>Faça uma alimentação saudável. Se a sua preocupação é o ganho de peso associado ao abandono do tabaco, procure substituir as gorduras, o açúcar e os alimentos ricos em sal por saladas, frutas e legumes.

>Tente evitar a proximidade de fumadores, bem como os cigarros e todos os objectos relacionados com o hábito de fumar.

>Pratique actividade física. Não só contribui para uma boa forma física, como ajuda a combater a ansiedade e as alterações de humor próprias dos ex-fumadores.

>Com o dinheiro que poupar no tabaco, ofereça-se uma prenda que deseje há muito tempo.

Se não conseguir à primeira, nada está perdido. A recaída faz parte do processo de mudança. Marque uma nova data e volte a tentar.

2 comentários:

  1. Neste momento em http://abanacao.blogspot.com estão disponíveis dois inquéritos que pretendem (de alguma forma) intervir na Consulta Pública sobre a proposta de Legislação antitabágica que o Governo apresentou. O que é também uma forma de participação cívica, para que outros não determinem autocraticamente aquilo que também nos diz respeito.

    MFR

    ResponderEliminar
  2. Eu deixei no dia 2 de abril!!!
    Já perdia conta que quantos dias já lá vão!
    YUPIIIIIIIIIIII
    sem ajudas

    ResponderEliminar